Próximos Eventos

«   Outubro 2017   »
seteququsesdo
      1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
     

mais ...
Nova Unidade de Força pode fazer o Homem chegar à Lua em Quatro Horas
Escrito por Sonia Regina   
Ter, 04 de Agosto de 2015 00:29

em-drive 3390456bHá quase 15 anos o inventor britânico Roger Shawyer desenvolveu uma nova forma de produção de energia. Mas foi ridicularizado na época como sendo cientificamente impossível. Trata-se de uma unidade de propulsão eletromagnética, EM, e pode fazer com que se chegue à Lua em quatro horas.

A unidade EM produz empuxo usando energia solar para gerar múltiplas microondas, que se movem para frente e para trás, em uma câmara fechada. Teoricamente, se algo não falhar ou se desgastar, o motor poderia continuar trabalhando, "para sempre", sem a necessidade de combustível de foguete.

A unidade, que tem sido comparada a impulsão de Star Trek , deixou os cientistas coçando suas cabeças, porque desafia um dos conceitos fundamentais da física – a conservação do momento – que afirma que, se algo é empurrado para a frente, algo deve ser empurrado na direção oposta. Então as forças no interior da câmara devem cancelar uma à outra.

No entanto, nos últimos anos, a Nasa confirmou o que Shawyer afirmava e acreditam que realmente funciona e, esta semana, Martin Tajmar, professor e detentor da cadeira para sistemas espaciais na Universidade de Tecnologia de Dresden, na Alemanha, disse que novos testes também mostraram que o equipamento produz empuxo.

A unidade é capaz de produzir empuxo vários milhares de vezes maior do que até mesmo um foguete de fóton e poderiam chegar a Marte dentro de 70 dias ou Plutão dentro de 18 meses. Uma viagem à Alpha Centauri, que levaria dezenas de milhares de anos neste momento, poderia ser alcançada em apenas 100 anos.

"Nossa bateria de testes não pode confirmar ou refutar as alegações sobre a unidade EM mas pretende, independentemente, avaliar possíveis efeitos colaterais nas medições dos métodos utilizados até agora" disse o Prof. Tajmar. "No entanto, observamos o impulso próximo às previsões reais, depois de eliminar muitas fontes de erro possíveis, e que merecem
maior investigação dos fenômenos."

"Se for verdade, isso certamente poderia revolucionar as viagens espaciais."

Fonte: The Telegraph

 

Curta nossa página

Star Trekker

Entrar pelo Facebook
Valid XHTML & CSS | Template Design | Copyright © 2014 by